Conheça mais de marketing digital.

POR QUE INVESTIR NO FACEBOOK?

Praticamente nenhuma estratégia de Marketing Digital hoje pode evitar a rede de Mark Zuckerberg: a quantidade assustadoramente grande de usuários é algo que ninguém pode ignorar. E aqui no Brasil a coisa fica ainda mais importante: somos o terceiro país do mundo em número de usuários da rede, atrás apenas da Índia e dos EUA. Alguns dados importantes sobre o Facebook: Mais popular entre mulheres, que representam 53% dos usuários da rede social;  Mais popular entre pessoas com 18 a 29 anos; 1.66 bilhões de usuários usam a rede social via mobile. O poder do Facebook é inegável. Independentemente do seu negócio, é extremamente provável que você irá encontrar alguém na rede que se interessa pelo seu produto/serviço. Portanto pense duas vezes antes de decidir não criar uma fanpage no Facebook, pois você pode estar perdendo oportunidades de negócios importantes para a sua empresa! E lembre-se: não é por que o seu negócio é B2B que você não deve investir na rede!

Rock Content.

 

Cannes Lions cria duas novas categorias de prêmio Festival passa a incluir, a partir da edição de 2019, Creative Strategy Lions e Entertainment Lions for Sport

Nesta quinta-feira, 1, a organização do Cannes Lions anunciou, em conferência transmitida ao vivo, duas novas categorias para a edição de 2019: Creative Strategy Lions e Entertainment Lions For Sport.

Nas palavras de Simon Cook, vice-presidente de creative excellence do festival, a primeira nova categoria revelada celebrará “a ideia por trás da ideia”. O júri do Creative Strategy Lion irá olhar, segundo ele, para como o planejamento pode mudar a marca, redefinir modelos de negócios, serviços e produtos. “Serão premiadas as ideias que atingiram excelência na interpretação do negócio e conseguiram entregar estratégia de maneira criativa”, disse.

Já Entertainment Lions for Sport segue a linha do que o festival fez com Health há alguns anos e abriu uma categoria para premiar um setor inteiro, disse Cook. “A criatividade está florescendo no esporte, vimos um aumento expressivo de ações impulsionadas por novas tecnologias, plataformas. Pense em machine learning, em ciência, nos insghts comportamentais e dados que as marcas de esporte possuem para explorar engajamento, inspirar lealdade, amor e transformar consumidores em fãs”, comentou.

Outra mudança nas categorias é a exclusão do Product Design Lions. A partir da próxima edição, as campanhas de design serão julgadas dentro das categoria de Design e de Innovation, pois, de acordo com Cook, hoje a discussão gira muito mais em torno da inovação do produto e não do design em si. Os júris das recém-criadas categorias e das demais outras serão anunciados ainda em novembro.

Para estimular o encontro de ideias entre os participantes, haverá um summit de dois dias dentro da programação do festival. Criado em parceria com a Media Link, o CLX, sigla para Connect, Learn, Experience, irá conectar líderes da indústria a especialistas em conteúdo e entretenimento com o intuito de discutir as melhores práticas para criar conteúdo que valha o tempo das pessoas. Com mesas redondas, o espaço pretende estimular parcerias em um cenário que demanda cada vez mais colaboração entre os players.

Mais diversidade e transparência
A vice-presidente de conteúdo Charlotte Williams apresentou os temas que permearão o conteúdo durante os cinco dias da 66ª edição do Cannes Lions, em junho do ano que vem. Depois de uma extensa pesquisa junto ao mercado, a organização chegou a oito assuntos que a indústria deseja ver nas salas do Palais, pela ordem:

Criatividade
“Cada vez mais, a indústria quer saber quão importante é a criatividade em um contexto de crescente importância de dados e tecnologia. Como casar a tecnologia com resultados comerciais?

Igualdade, diversidade e inclusão 
“Perspectivas sobre como criar forças de trabalhos mais igualitárias. Como o próprio mercado diz, é hora de sair do discurso e partir para a ação”

Transformação da indústria
“As in-houses, as consultorias globais, a explosão de agências menores. É um momento empolgante. Vamos explorar as mudanças estruturais, fazer as perguntas importantes. Será que as in-houses vão falhar? Onde os talentos estarão daqui 5 anos?”

Transformação digital
“Ninguém tem a solução perfeita. Mas veremos casos das maiores marcas sobre como estão transformando seus negócios. Como casar tecnologia com criatividade, fazer comunicação centrada no consumidor, como ganhar escala”

Estratégia criativa
“Aprender mais com estrategistas, futuristas economistas comportamentais, para personalizar e alcançar o consumidor. Olhar para além da criatividade e discutir como ela pode resolver problemas de negócio”

Criatividade como força do bem
“Temos visto trabalhos inspiradores em mundo incerto. Como a criatividade pode provocar mudanças duradouras? Pode influenciar o governo? É essencial que marcas tomem partido?”

Multi touch point storytelling craft and experience
“Utilidade e experiências duradouras na era do fast content. Como criar consistência e oferecer jornadas fluidas. De marcas que usam tecnologia de voz à cara a cara”

Confiança, ética e transparência
“O ano de 2018 foi difícil para muitos, a transparência e a ética estão abertas a questionamento. Como restaurar confiança? O que podemos aprender com challenger brands? Traremos novas perspectivas sobre esses problemas”

Ambev faz mudanças no time de agências

Ambev está promovendo mudanças no atendimento de algumas de suas contas. A principal troca é a ida de Guaraná Antarctica para a carteira da AlmapBBDO. A agência, já responsável pela cerveja Antarctica, agora passa a cuidar da estratégia de comunicação do refrigerante, trabalho que inclui a criação de campanhas, ativações e eventos.

A conta de Guaraná Antarctica estava na F/Nazca Saatchi & Saatchi, que agora passa a atender as novas extensões de linha da cerveja Skol (marca que trabalha há 22 anos), como a recém-lançada Skol Hops, além da cerveja alemã Becks. Já a CP+B, que já tem a cerveja Stella Artois em sua carteira, passa a atender a cerveja Bohemia e a água AMA.

Segundo a cervejaria, o realinhamento de algumas de suas contas publicitárias tem como intenção assegurar um melhor equilíbrio entre suas agências — e representará maior investimento na Almap e na F/Nazca. “As mudanças visam aprimorar cada vez mais o trabalho que desenvolvemos com todas nossas marcas. As agências têm sido nossas grandes aliadas durante todos esses anos e queremos seguir nesse caminho. A F/Nazca desenvolveu importantes projetos para o Guaraná Antarctica e a parceria sempre foi marcada por muito carinho e sucesso”, destacou, em comunicado, Paula Lindenberg , vice-presidente de marketing da Ambev, profissional que assumirá a operação da AB InBev no Reino Unido em 2019.

 

Invista na imagem da sua empresa.

A Cena Viva P&P é uma empresa com atuação profissional em planejamento de marketing, publicidade e propaganda e produção audiovisual. Criada por profissionais que atuam há mais de 15 anos no ramo da comunicação. Sua marca maior é trabalhar a excelência e a satisfação de seus clientes com respostas rápidas e soluções práticas de acordo com as necessidades de sua empresa. No mundo atual investir em Marketing é fundamental para se criar destaque em qualquer ramo de atividade comercial e industrial. Trabalhar com a Cena Viva P&P é sem dúvida investir em parceria e bons negócios.

Faça um orçamento é rápido, fácil e grátis.